domingo, 19 de agosto de 2007

Novo Visual

Depois do primeiro tratamento de quimioterapia, o cabelo começou a cair passados dezoito dias.

Senti-me muito triste...

Já tinha decidido rapar o cabelo! Vê-lo a cair por todo o lado, é angustiante.
Foi no meu local de trabalho, que rapei o cabelo, estava na minha casa, pensava que era mais fácil, nem esperei pelo fim do dia, e ainda havia clientes. Sentei-me na cadeira , respirei fundo e lá vai "pente dois"! Armei-me em forte, mas quando me vi careca, as lágrimas foram incontroláveis... Sabia que o cabelo iria crescer de novo, e com mais força, mas foi muito difícil para mim! Ainda me parecia tudo um sonho, e ver-me assim sem cabelo foi a triste realidade, do que me estava a acontecer.

Ao fim de alguns dias, tive que rapar mais, teve que ser pente zero, porque o cabelo caía por todo o lado, e não me sentia bem. Depois deste choque inicial, fui-me habituando.

Antes de rapar o cabelo, fui a Lisboa comprar a peruca! Escolhi uma de cabelo natural, da mesma cor do meu, e com um corte igual. Tão perfeita que ninguém reparou que era peruca.
Quando chegava a casa, ia logo trocá-la por um gorro, sentia-me mais à vontade.

O tempo passou rápidamente, está quase a fazer um ano. O cabelo cresceu tão forte, que é só caracóis.Já o cortei três vezes, e os caracóis continuam ... Tenho agora outro novo visual...

12 comentários:

aida guimarães disse...

Olá Alda,

Tudo que tenho passado até agora, o corte radical do cabelo foi o que menos me custou. Aliás, nem me custou nada, ficou mais incomodada a cabeleireira do que eu.

São maneiras diferentes de reagir.
Interessa é ficarmos boas.
Quando o meu cabelo começou a crescer a 1ª vez achei o máximo. Sempre quis ter carocois. Vamos lá ver se agora cresce igual.

Beijinhos grandes

Loulou disse...

Olá Alda,

O corte de cabelo radical também não me custou muito. Ainda me ri um pouco, porque foi o meu namorado que me rapou das duas vezes (pento 4 e pente 0), estivemos um pouco no gozo com a situação.
Quero é ficar boa, e de preferência, com caracois. Sempre quiz caracois (como a Aida). Vamos lá ver.... o meu cabelo eram tão liso.

Beijinhos grandes

isa- retratoiluminado disse...

Pois é Alda custa um pouquito...a mim muito sinceramente não me custou muito, não me lembro de ter vertido uma lagrima. E olha que eu tinha cabelo que nunca mais acabava, ja andava a crescer desde os meus dez anos, por ai. O medo da doença é tanto, que uma carecada, que nem doia... não me iria deixar mais em baixo.

E agora é ver cachos de caracolada a crescer...um espectaculo...
mas nunca foi liso, se bem que agora parece-me mais frisado.

Beijinho linda
Isa.

isa- retratoiluminado disse...

gosto do look do blogue... é verão altura de pintar as casas, e pintar tambem os nossos blogues, né?... é vê-los todos fashion.
Isa.

Alda disse...

Olá Aida,

Eu até tenho uma cabeça bem feita, não tenho orelhas de abano, e sou uma mulher com muita força, mas quando me vi sem cabelo...

Associamos a perda de cabelo ao cancro, e foi isso. Era essa a realidade! "Eu tinha cancro".

Até essa fase, andava meio anestesiada. Percebes o que quero dizer!
Passei por situações, difíceis e dolorosas, e não chorei. Vá lá eu perceber porquê...

Beijinho

Alda disse...

Loulou

Somos todos diferentes!
Eu tenho tendência, para enfrentar as grandes dificuldades, mas nas coisas mais simples, às vezes sou mais sensivel.
Aguenta-se tudo.O importante é ficar curada.

Beijinhos

Alda disse...

Olá Isa

Na altura custou. Mas tudo passa né?

Queria eu por um vídeo, que gosto muito, mas nada! Só ficou o link.
Nem os conselhos da Manuela me valeram.
Isto de fazer blogues não é fácil.

Beijinhos

Loulou disse...

Alda,

Entendo-te perfeitamente. Também olho para mim e vejo uma pessoa doente, com cancro. Ficamos todos com o mesmo olhar... custa...
Aos poucos, fui-me habituando...

Platero disse...

Olá Alda

No meu caso o corte de cabelo foi um acto de guerra ao Bicho, que me tinha apanhado mas não me apanhou o cabelo, pois cortei-o antes de começar a cair (mas com os homens provavelmente é diferente).

Eu que o tinha encaracolado,passou a crescer liso da primeira vez, mas agora já estão a voltar os caracóis ao fim do terceiro corte.

Um abraço e força

Alda disse...

Olá Platero

Eu também cortei o meu antes de começar a cair.Pente 2 mas depois teve que ser pente 0.

Mas hoje já deu para esticar! Já fica mais liso. Não é que me fiquem mal os caracóis...

Um beijinho e fica bem.

laura disse...

.....
Olá Alda!
Com este grupo vocês não me dão descanço.... comecei com a Claudia, anxinha e agora é uma farturinha..... por um lado foi bom, conheci umas meninas maravilhosas, por outra, era melhor ser por outro motivo, mas vamos à farra na mesma!

Então o grande dia está está a chegar, aquilo é que vai ser, tanta mulherada..... vai ser muito bom....

beijinhos, laura

Alda disse...

Olá Laura

Todas juntas, vai ser uma farra mesmo, podes crer.
Benvinda ao meu cantinho, que é muito recente. Depois de andar um ano a postar, nos blogues das amigas do peito, agora resolvi criar o meu.
Um beijinho