quarta-feira, 21 de maio de 2008

Luta contra a SIDA

2008-05-21 14:13
Fim das ajudas
Estado retira apoios a instituições de luta contra a SIDA
O Ministério da Saúde vai deixar de financiar a prestação de serviços a pessoas com esta doença.
[ Última actualização às 14:13 do dia 21/05/2008 ]

O cinto aperta por todo o lado e agora também no apoio a doentes com SIDA. O Ministério da Saúde vai deixar de financiar a prestação de serviços a pessoas com esta doença, já a partir de 201. A ideia é fazer com que as instituições que promovem esta assistência conquistem novas formas de financiamento e por isso a coordenação nacional para a sida vai deixar em breve de receber candidaturas.
A Associação Abraço já mostrou receio de que no próximo ano todos os projectos de apoio social sejam chumbados. No âmbito do Programa Nacional de Prevenção e Controlo da SIDA, este ano já houve dois concursos para o apoio a projectos. Ao todo concorreram 98 instituições que pediam ajuda no valor de oito milhões de euros.
As associações que apoiam doentes com SIDA trabalham na assistência domiciliária, facilitam consultas médicas, e fornecem refeições e medicamentos.

1 comentário:

laura disse...

*****

Lamento.

Mas, há sempre um "mas".

Mas a Sida vivia de subsídios... e as outras doenças??

Uns doentes são mais doentes?

laura